Arquivo da tag: marcha

Parada do orgulho Hétero? Brancos sofrem racismo?

19601349_10211615980613540_3234693211533986290_n

Racismo reverso existe?
Parada do orgulho hétero faz sentido?
Por que lei Maria da Penha só para mulheres?
Confira as respostas no nosso novo vídeo do Canal E-deias

Deixe um comentário

Arquivado em Democracia, Direito Constitucional, Direitos Fundamentais, Direitos Humanos, Laicidade, Minorias

Manifestações, Responsabilidade e Respeito à Constituição: sobre diferentes “DOXAS”

Nesse domingo, dia 15 de agosto, aconteceu uma “Marcha contra o Governo Dilma” em várias cidades do País. Comentando sobre o ocorrido, uma pessoa me disse que eu tinha uma “doxa” diferente da dela porque eu estava falando de um certo padrão – golpista, elitista, social-darwinista* e escravocrata – na MÉDIA (eu disse média, não disse todo) dos que foram às ruas pedir GOLPE MILITAR, MORTE e outras coisas impublicáveis à Presidente e a tantos outros – dado que foi confirmado por pesquisadores da UFMG, que mostram um perfil médio dos manifestantes de BH: brancos, com renda >5 salários-mínimos, contra o aborto, a favor da redução da imputabilidade penal e contra programas como Mais Médicos e Bolsa-Família.

De fato, creio que minha interpeladora e eu temos, de fato, “doxas” diferentes…. Cremos, e, portanto, vemos, de formas bem diferentes o mesmo fenômeno. Algumas fotos/vídeos poderão nos ajudar.

Dizia-se que a Marcha era contra “a corrupção“…. será?

11891064_1078523895493409_5037212637238828580_n

Onde estavam os cartazes pedindo o julgamento do Mensalão do PSDB?

Sobre a Renúncia de um Senador do PSDB que o fez para não ser julgado no STF por acusação de crime?

Ou cobrando cadeia para os escândalos com o Metrô de SP?

Ou sobre o Aeroporto de Cláudio?

Ou sobre o Helicóptero com cocaína do Senador?

Sobre isso, inclusive, vale a leitura de interessante artigo: Por quem as panelas batem.

Mas, comecemos, efetivamente, com um vídeo, em que teve gente se ajoelhando em frente a um quartel pedindo intervenção militar:

No quesito intervenção militar “constitucional”, temos alguns exemplos:

CMivivuUYAAOoDz-400x207 11913214_764219717020778_652719127_n

Teve gestos que lembravam a Hitlergruß (saudação nazista a Hitler):

11885263_1040255472681503_7327706434360097343_n IMG_20150816_150355-400x222

Teve incitação ao ódio e à violência – que nem de longe se confundem com liberdade de expressão:

20150816124901-351x400 mmatara-696x402

Claro que o típico social-darwinismo teria de ter representantes explícitos:

11846678_1040257429347974_4038512936671353130_n11219621_826775164110330_7933060497585279433_nCaptura de Tela 2015-08-18 às 16.44.34

Mas não foram apenas palavras de ódio, houve também agressões:

. “Protestos anti-PT registram agressões a quem veste camiseta vermelha“.

. “Jornalistas da Rede Globo são hostilizados e expulsos de manifestação no Rio“.

Estaria eu dizendo que “TODOS” os que foram às ruas concordam com tais bizarrices ou que não têm legitimidade para cobrar atitudes contra a corrupção e criticar o governo?

Claro que não, a democracia, pela qual tantos lutaram, morreram e/ou foram torturados – no primeiro e último casos, inclusive a atual Presidente -, nos dá o direito à liberdade de expressão e de reunião.

No entanto, há muito sabemos que não há direitos absolutos e que todo direito implica também em responsabilidade sobre o seu uso abusivo.

O Abuso à Liberdade de Expressão está presente quando eu a uso para tratar o outro como “excluído” ou como “inimigo”, isto é, como não portador dos mesmos direitos que eu tenho. Nesse sentido, o que foi colocado acima – E QUE NÃO REPRESENTA O TODO, MAS UMA PARTE DA MANIFESTAÇÃO – não está de acordo com a Liberdade de Expressão.

E, sobre tal parte, de fato, tenho uma “doxa” diversa…..

*Sobre o “social-darwinismo” atávico de nossas elites, sugiro ler a entrevista da Profa. Maria Aquino. Vale muito a pena também ver o artigo do Jânio de Freitas.

Ver também:

 

 

Deixe um comentário

Arquivado em Direito Constitucional