Documentário: Amiel – sobre uma pessoa intersexual

Sociólogo, homem trans e intersexo, Amiel Vieira fala sobre suas primeiras reflexões referentes ao seu corpo “marcado pela falta” e sobre seus sentimentos no começo no processo de reconhecimento. Ele comenta sua construção e seu renascimento como Amiel a partir de agosto de 2016, após descobrir sua intersexualidade e sua transexualidade. A série Todos os Gêneros propõe uma reflexão sobre o que é gênero e como ele se constrói em nossa sociedade. Depoimento gravado em junho de 2017, na sede do Itaú Cultural, em São Paulo/SP. Leia sobre a quinta edição do evento Todos os Gêneros – Mostra de Arte e Diversidade: http://bit.ly/todososgeneros2018.

Vale a pena assistir ao Documentário publicado pelo GloboSat:

https://globosatplay.globo.com/futura/v/7468453

Para quem quiser se aprofundar, sugiro alguns textos:

Dica de Leitura: Caminhos da pesquisa em diversidade sexual e de gênero (gratuito para baixar)

Livro: Caminhos da pesquisa em diversidade sexual e de gênero: olhares in(ter)disciplinares

Organizadores: Humberto da Cunha Alves de SouzaSérgio Rogério Azevedo Junqueira.

O livro pode ser baixado gratuitamente aqui.

Este livro, o segundo da Coleção Livres & Iguais, é resultado do Congresso Internacional LGBTI+, realizado na cidade de Curitiba, entre 13 e 15 de novembro de 2019. Os temas buscam abarcar diferentes abordagens, campos e teorias, de modo provocativo e questionador para que possamos refletir, juntas e juntos, sobre os avanços, mas especialmente sobre os limites e desafios da pesquisa em diversidade sexual e de gênero para o enfrentamento das desigualdades e violências contra a população LGBTI+. Pois é uma “Universidade sem condição” o que queremos, livre e igual, socialmente compromissada, que p possa intervir na realidade em favor da igualdade de direitos, especialmente em momentos como o que atualmente vivemos, de ataques antidemocráticos e até mesmo fascistas à diversidade humana e ao conhecimento científico. Os trabalhos que compõem este livro, cuidadosamente elaborados pelas pesquisadoras e pesquisadores para o evento e para esta publicação, são um testemunho não somente da importância e necessidade destes estudos, bem como da extensão e profundidade de suas abordagens, metodologias e teorias, mas, sobretudo, do rigor e vigor científico do campo in(ter)disciplinar de estudos em diversidade sexual e de gênero.